Photo credit: DiasporaEngager (www.DiasporaEngager.com).

Um juri do Instituto Superior de Altos Estudos e Negócios (ISAEN) aprovou a tese subordinada ao tema “A Incubação de Empresas como Aposta da Sustentabilidade de Agro-Negócios em Nampula – Moçambique”, apresentada na última quinta-feira, na cidade de Maputo, fazendo do seu autor, José Guina, o primeiro Doutor em Estudos de Desenvolvimento, um programa de doutoramento ministrado, exclusivamente, naquela uma unidade orgânica da Universidade Politécnica.

Na ocasião, Lourenço, do Rosário, académico e presidente do Conselho de Administração do Grupo Politécnico, sustentou que desenvolver aquele programa de doutoramento, sem qualquer parceria, é um sinal de que os “produtos que forem a sair da Universidade Politécnica vão sinalizar forças na governação, na área do empresariado e na área de desenvolvimento das organizações governamentais”.

“Esta é a primeira prova que foi apresentada, neste Programa de Doutoramento, com o tema: a incubação na área do agro-negócio. Nós recrutamos docentes, mas não temos qualquer embasamento de outras universidades que nos tragam o que nós podemos fazer e acreditamos que isso é um momento bastante importante para a autoestima colectiva da nossa academia de modo a que, de facto, deixemos de dizer que não temos condições e não temos quadros para poder desenvolver e saímos para dar este primeiro salto”, referiu Lourenço do Rosário.

Por sua vez, Narciso Matos, reitor da Universidade Politécnica, disse que a apresentação da tese é importante para a instituição por ter a singularidade de ser a primeira a ser defendida e também pelo facto do tema estar ligado ao desenvolvimento da agricultura na província de Nampula.

“O candidato escolheu um tema que lhe permitiu realizar a pesquisa em três distritos, nomeadamente Malema, Ribáuè e Rapale e trabalhando com camponeses, vendo o tipo de produção que eles têm realizado e ver ainda que técnicas de incubação podem ser introduzidas e de que maneira essa incubação pode levar à melhoria da qualidade dos produtos, da comercialização com repercussões que depois podem ser úteis para outras regiões do país com adaptações necessárias, evidentemente”, referiu Narciso Matos.

José Guina, a quem foi atribuído o título de Doutor em Estudos de Desenvolvimento, explicou que a escolha do tema para a sua tese tem a ver com os desafios que viveu na província de Nampula e o paradoxo na questão da má nutrição, que se estende por toda a costa até ao interior.

“Nós não seríamos os primeiros a ter essa vertente de incubação para resolver os problemas da sociedade. O nosso objectivo é apelar a todos que estejam em sede de decisões dessas matérias, de modo a que possam, efectivamente, integrar essa equipa toda que é multidisciplinar a nível mundial. Façamos todos com o mesmo objectivo, porque o desenvolvimento só se vê através de pessoas assistidas com alimentos”, concluiu José Guina.

Source of original article: Verdade (verdade.co.mz).
The content of this article does not necessarily reflect the views or opinion of Global Diaspora News (www.GlobalDiasporaNews.com).

To submit your press release: (https://www.GlobalDiasporaNews.com/pr).

To advertise on Global Diaspora News: (www.GlobalDiasporaNews.com/ads).

Sign up to Global Diaspora News newsletter (https://www.GlobalDiasporaNews.com/newsletter/) to start receiving updates and opportunities directly in your email inbox for free.